Scania500K

Produção de caminhões foi 1,6% menor em 2022

Pinterest LinkedIn Tumblr +
Consorcio-Fenatran2024

Participação dos veículos de acordo com o combustível usado quase não mudou

A queda na produção de caminhões em 2022, segundo a Associação Nacional dos Fabricantes (Anfavea), foi de 1,6%, de 128.579 para 126.642 unidades. Os números foram divulgados na terça-feira (11). Na véspera, a Federação Nacional da Distribuição dos Veículos Automotores (Fenabrave) havia divulgado uma queda nos emplacamentos de caminhões na ordem de 2,11%, de 127.281 para 124.584 unidades.

Considerando apenas as vendas de caminhões importados, de acordo com a Anfavea, houve um aumento de 11,2%, de 5.855 para 6.509 unidades em 2022.

O relatório da Anfavea mostrou que pouca coisa mudou quanto aos combustíveis utilizados em caminhões no ano passado. A participação dos elétricos foi de 0,2% para 0,5%; a dos caminhões a gás subiu de 0,1% para 0,2%. E os caminhões a diesel que representavam 99,7% em 2021 passaram a 99,2% em 2022.

Veja abaixo o número de caminhões produzidos por montadora e a evolução porcentual na comparação com o ano anterior.

Truckscontrol
Compartilhar

Deixe um comentário