Scania500K

TransJordano completa 25 anos

Pinterest LinkedIn Tumblr +
Consorcio-Fenatran2024

Transportadora comemora marca e investe para alcançar novos mercados

Fundada em outubro de 1998, a TransJordano está prestes a completar 25 anos. Especializada no transporte rodoviário de cargas e logística, a empresa tem sua sede localizada em Paulínia (SP) e possui 10 outras unidades nas regiões Sul, Sudeste e Centro- Oeste.

Ao longo de suas mais de duas décadas, a TransJordano tornou-se um pilar vital na logística de cargas, conquistando a confiança de clientes e parceiros. Desde sua fundação, a empresa solidificou-se no mercado de combustiveis pela eficiência, segurança e pontualidade.

“Estamos extremamente orgulhosos por alcançar essa marca de 25 anos. O sentimento é de gratidão por esse momento, mas também de muita responsabilidade. Sabemos que, ao alcançar o nível de serviço que temos atualmente, temos que seguir inovando para mantermos a satisfação de nossos clientes. No entanto, o momento é de agradecer a todas as pessoas que fizeram a diferença para que a nossa empresa alcançasse essa marca tão relevante”, pontuou João Bessa, fundador presidente da TransJordano.

Atualmente, a TransJordano possui mais de 750 colaboradores e uma frota com idade média de até dois anos. Reforçando seu propósito e compromisso com a segurança e qualidade, neste ano de 2023 a empresa realizou um investimento de R$ 85 milhões na renovação de sua frota, com a aquisição de 125 novos caminhões.

“O principal objetivo desse investimento foi manter a frota da empresa atualizada, com custo de manutenção baixo e principalmente termos equipamentos atualizados para que nossos motoristas realizem as operações de forma segura e com alto desempenho. Com novos veículos, temos um ativo com tempo bem menor de manutenção e com tecnologia renovada que polui menos o meio ambiente e que auxilia na segurança operacional de toda nossa operação. Esse tipo de investimento reforça o nosso viés tecnológico, de segurança e de que se preocupa com as tendências de ESG (sigla para políticas ambientais, sociais e de governança)”, acrescentou Bessa.

Ao longo de todo esse tempo no mercado, a TransJordano participou ativamente de conscientizações sociais como as recentes campanhas de Outubro Rosa e Novembro Azul, em que a empresa personalizou seus caminhões com as cores e símbolos dos respectivos movimentos com o intuito de lembrar e de auxiliar as pessoas a procurarem o tratamento preventivo. Além disso, a TransJordano segue atuando fortemente na conscientização de seus profissionais para um trânsito mais seguro e eficaz, com eventos, campanhas e treinamentos específicos que buscam auxiliar no cumprimento de suas metas de segurança.

Na busca por seguir fazendo a diferença no mercado do transporte rodoviário de cargas, a TransJordano está expandindo seu legado com a diversificação de produtos, prezando pela qualidade do serviço, pela segurança no trânsito e pela assertividade nas operações.

“O foco dos próximos anos é esse nosso crescimento e a expansão para novos mercados e segmentos. A diversificação de produtos é um dos nossos grandes enfoques de agora, mas, claro, agradecendo, respeitando e continuando com o nosso legado de combustiveis e de cargas líquidas. Temos um time muito forte e robusto e acreditamos que estamos preparados para atender novos mercados”, adicionou Joyce Bessa, head de gestão estratégica, finanças e pessoas da TransJordano.

João Bessa acredita que, para os objetivos continuarem sendo alcançados e multiplicados, o sucesso passa também pelo legado deixado na vida das pessoas que trabalham para a empresa.

“Empregamos uma grande quantidade significativa de pessoas e ficamos felizes pelo quanto essas mulheres e esses homens conseguem auxiliar suas famílias. É legal imaginar que no futuro eles também poderão prover para os filhos um legado, um pilar de continuidade, pois somos uma empresa familiar e acreditamos muito nisso para a construção de uma sociedade melhor. Seguiremos trabalhando firme, de acordo com os nossos valores e missão, para levar tranquilidade no abastecimento da sociedade de forma sustentável”, finalizou o presidente da TransJordano.

Truckscontrol
Compartilhar

Deixe um comentário